Educação Permanente

Educação Permanente

terça-feira, 18 de agosto de 2009

Análise dos Parâmetros Curriculares Nacionais de História

Alunos do 6º período<

Deixo aqui uma sugestão para a análise dos PCN de História para o 1º e 2º ciclos, conforme combinado em sala de aula.
Qualquer dúvida, estou à disposição.

Profª Marcia

PARÂMETROS CURRICULARES NACIONAIS DE HISTÓRIA
ENSINO FUNDAMENTAL – 1º e 2º ciclos
ANÁLISE DE SUA APLICABILIDADE
Analisar os limites e as possibilidades de aplicação dos PCN quanto aos aspectos pedagógicos e ao processo proposto de ensino-aprendizagem de História. A verificação se dará nos dois primeiros ciclos do ensino fundamental.
Algumas questões que devem nortear a análise:
1- Que concepções de educação, de escola, de ensino-aprendizagem e História norteiam essa proposta?
2- O professor do ensino fundamental está preparado e tem a formação adequada para efetivar as propostas sugeridas?
3- Analise os objetivos de História para o 1º e 2º ciclos.
4- Quais são as temáticas específicas dessa disciplina?
5- Quais são as maiores dificuldades na aplicação dos PCN no ensino de História do 1º ao 5º ano?
6- O que deve ser privilegiado em História do 1º ao 5º ano?
7- Como se trabalham os eixos temáticos?
8- E como se trata a história local?
9- A sugestão para a seleção de conteúdos é baseada em quais critérios?
10- Como os PCN encaram a questão dos nomes e datas tradicionalmente decorados em História?
11- Quais são as fontes para o ensino de História? São aplicáveis nos dois primeiros ciclos do ensino fundamental?
12- Como a História trabalha os temas transversais?
13- O que a criança precisa saber da História?
14- Como deve ser o uso do livro didático? E as orientações didáticas sugeridas?
15- Como as atitudes são trabalhadas em História?
16- Como são abordados os conceitos de tempo em História?
17- Como são sugeridas fontes para a pesquisa em História nos dois ciclos?
18- Analise os critérios para avaliação, sugeridos nos PCN.
19- Posicione-se sobre a questão das problematizações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário